Blog

mol é tudo de bom

Welcome to the mol

Graças a Deus inventaram o magic online, tão famoso mol e com ele eu posso treinar contra outros planeswalkers do mundo todo e testar minhas habilidades em deck build e play.  O mol também é uma plataforma para conhecer pessoas novas de outros povos e novas culturas.

Encontrar as cartas

Eu me lembrei que tinha tix no mol sobrando em minha conta e já estava precisando de uma plataforma pra treinar já que tinha voltado a competir no magic. Nada melhor que unir a fome à vontade de comer, isso mesmo, usei os tix sobrando pra comprar meu deck de tritão no mol.

Montei na hora

Com as cartas na conta, foi só montar o deck de merfolks. Coloquei 3 kumenas e 4 tempest caller. Puis crashing tide e configurei o sideboard. Fui pro jogo, vamos treinar! Passei o dia todo treinando e percebi que 4 tempest caller é muito e o crashing tide é lento demais.

Fazer modificações sempre é bom

Fiz bastante deck test e percebi que o deck precisa ser aperfeiçoado. Como havia dito, crashing tide é muito lento e troquei por unsummon. Tirei 2 tempest caller e coloquei 2 swift (merfoolk com flash). O deck melhorou e passou a render mais.

Nada melhor que conseguir uma amizade no mol

Acabou que além de treinar com o deck completo, eu conheci um uruguaio muito gente fina que conversava (difícil no mol) e nos adicionamos no buddies. Mais um amigo internacional.

 

 

Acordei pensando em verde

Repare nessa cor mágica: verde

É a minha cor predileta, que originou no deck que comecei a jogar em 1999. Jogava de stomp com rougue, rancor, guide, quirion e muito mais. Hoje as cartas são diferentes e mais poderosas. Ontem no pptq pude jogar de UG com minha cor predileta green.

Preparativos para jogar de UG

Como todo planeswalker sabe, é indispensável ter uma excelente curva de mana pra evitar a dona zica. Logo, como meu deck é de merfolk com muitos bichos (só crashing tide que não), eu puis território não reivindicado além de santuário botânico e woodlands stream. Joguei com 5 florestas e 3 ilhas além de evolving wilds (24 lands).

Cartinha interessante green

A jadelight ranger é uma carta interessante, custa 2 verdes e 1 incolor e explora 2 vezes. Essa carta, ou adianta terreno ou fica forte ou fica forte e tomba pro cemitério o que não presta. Pena que são 2 verdes mas no meu deck não deu problema. Bati muito com essa criatura e ela deu muita dor de cabeça.

Carta muito forte green

Uma carta que achei muito mais forte que jadelight é a andarilha das copas tritão. Ela custa somente 2 e explora. Mas, por ser rápida e ficar forte, acho melhor. Ela com certeza fica no deck após chegada das cartas que estão faltando.

 

A cor verde no pptq

Eu era um dos poucos a jogar de merfolks no pptq mas, embora o deck tivesse incompleto, foi uma experiência boa já que pude observar como se comportava a cor verde em um deck de tritão. Acordei pensando em verde xD.

Brigado por ler planeswalker, até a próxima!!!

O primeiro pptq na point hq a gente nunca esquece

O primeiro pptq na point hq a gente nunca esquece

Pra quem não sabe, a Point Hq é uma loja nerd que fica aqui no Rio de Janeiro mais precisamente em Ipanema no endereço: R. Visconde. de Pirajá, 207 – 317 – Ipanema, Rio de Janeiro – RJ, 22410-001.

Telefone de contato: (21) 3442-2216

point hq
Esse cara é da minha época, bons tempos

Essa loja fez parte da minha vida na adolescência quando eu jogava magic tendo meus 16 anos de idade. Eu me lembro que era excelente lugar pra jogar torneio e trocar carta além de fazer um bom dinheiro. Me lembro também um regional inesquecível que joguei naquela época onde eu estava de UG loucura e quase me classifiquei para os playoff.

point hq
Joguei muitos torneios nessa loja no passado

Antigamente eu jogava ptq na point hq até porque não tinha tanta gente assim mas hoje em dia as coisas mudaram. Os planeswalkers tem que jogar uma preliminar pra se qualificar para o pro tour qualifier. Fico feliz em ver o magic crescendo. Na minha época era simplesmente jogar o PTQ e se ganhasse, já ia jogar o pro tour em algum lugar do mundo.

Tomei conhecimento do pptq

Na sexta-feira, dia 02/03/2018, lá eu estava indo à taverna para jogar um FNM eis que minha bicicleta elétrica dá ruim e enguiça. Perdi o FNM mas o taverneiro alertou pelo grupo do “santo” sapp do pptq na point hq no sábado (hoje 02/03/2018)

point hq
eu me preparando pra voltar à point hq

Acordei cedo

As 4 AM já estava de pé pronto pra tankar um pptq com meu deck merfolk, ele é tier 2 e faltando cartas mas o importante é competir, quem sabe ganho uma kkkk. Acordei cedo e tomei café da manhã (ovos com tomate e cebola e pimentões), além de café com mel. Com a barriga cheia, dá pra tankar melhor xD

Na point hq

Chegando lá é aquele ritual de inscrição e preenchimento de ficha do deck e ansioso pra jogar um torneio maior depois de décadas parado. Reencontrei um amigão, o mogui que foi jogar com seu UW agroo. Joguei treino contra ele e fui atropelado, acho que isso era um mau sinal.

Foram 6 dolorosas rodadas

Joguei 6 rodadas já que queria ganhar pontos de planeswalker pra jogar o nacional e meu deck de merfolk não me ajudou, acho que não dei o carinho necessário pra ele gamar. Ziquei boa parte do torneio mesmo tendo 24 lands no deck com apenas 12 cartas custando 3 manas. Mas a partida inesquecível foi contra a Caroline, ela estava de RG. Ela vindo na curva no game 1 e eu zicando. 2 manas, bicho red custa 2, 3 manas outro bicho daquele, 4 manas fenix e 5 manas dragão e eu só com 2 manas e cheio de bichos custo 3 na mão. Fui arrebentado, esse game não esqueço jamais.

Final da história

Joguei as 6 rodadas e fiz 1 x 5 levando em consideração que está faltando cartas e estou destreinado e sem saber o field todo. Com essa mísera vitória, consegui chegar a 42 pontos de planeswalkers levando em consideração que voltei a jogar a 2 semanas. Faltam só 258 pontos pra ter a vaga, rumo ao nacional!!!

Brigado por ler planeswalker, até a próxima e volta no meu site pra dar mais força ao canal^^